sexta-feira, outubro 19




Olá, faz um tempinho que não escrevo, mas estou de volta com uma palavra maravilhosa que li hoje.


Daniel 4:30-37 (Tradução NTLH)

30. "e disse: — Como é grande a cidade de Babilônia! Com o meu grande poder, eu a construí para ser a capital do meu reino, a fim de mostrar a todos a minha grandeza e a minha glória.
31. O rei ainda estava falando quando veio uma voz do céu, que disse: — Preste atenção, rei Nabucodonosor! Este reino não é mais seu.
32. Você será expulso do meio dos seres humanos, ficará morando com os animais selvagens e comerá capim como os bois. Isso durará sete anos, até que você reconheça que o Deus Altíssimo domina todos os reinos do mundo e coloca como rei quem ele quer. 33. Naquele mesmo instante, cumpriu-se a sentença contra Nabucodonosor. Ele foi expulso do meio dos seres humanos e começou a comer capim como os bois. Dormia ao ar livre e ficava molhado pelo sereno. O seu cabelo ficou comprido, parecido com penas de águia, e as suas unhas cresceram tanto, que pareciam garras de um gavião.
34. O rei disse: — Depois de passados os sete anos, eu olhei para o céu, e o meu juízo voltou. Aí agradeci ao Deus Altíssimo e dei louvor e glória àquele que vive para sempre. Eu disse: “O poder do Altíssimo é eterno; o seu reino não terá fim. 
35. Para ele, os seres humanos não têm nenhum valor; ele governa todos os anjos do céu e todos os moradores da terra. Não há ninguém que possa impedi-lo de fazer o que quer; não há ninguém que possa obrigá-lo a explicar o que faz. 36. — Logo que o meu juízo voltou — continuou Nabucodonosor —, eu recebi outra vez a minha honra, a minha majestade e a glória do meu reino. Os meus conselheiros e as altas autoridades do meu governo me receberam de volta. Fui rei de novo, com mais poder do que antes. 37. Portanto, eu, o rei Nabucodonosor, agradeço ao Rei do céu e lhe dou louvor e glória. Tudo o que ele faz é certo e justo, e ele pode humilhar qualquer pessoa orgulhosa."




Nabucodonosor achou que o seu reino era poderoso pelos seus próprios méritos trazendo toda a glória para si mesmo e desprezando a Deus, mas não foi por muito tempo, imediatamente Deus o tirou do pedestal e o colocou no seu lugar. Passou de rei a mendigo durante sete anos. Nos momentos das lutas e humilhações ele viu que não era nada sem Deus e disse: "— Depois de passados os sete anos, eu olhei para o céu, e o meu juízo voltou. Aí agradeci ao Deus Altíssimo e dei louvor e glória àquele que vive para sempre..."
Nos dias de hoje não é diferente, muitas pessoas deixam Deus em segundo plano, sequer agradecem por mais um dia de vida ou pelo alimento de cada dia e vivem dia após dia pensando que se conquistou alguma coisa foi por seus próprios méritos.
Daniel alertou a Nabucodonosor para que mudasse, então, se você está dessa mesma forma, mude enquanto há tempo porque depois você colherá o que está plantando hoje.

A Honra e a Glória são exclusivas do Senhor Jesus e de mais ninguém. O ar que você respira, a força que te faz lutar e acordar dia após dia, vêm Dele e não de você mesmo. Pense nisso e faça Dele a prioridade na sua vida porque "não há ninguém que possa impedí-Lo de fazer o que quer; não há ninguém que possa obrigá-Lo a explicar o que faz."



Não tenha Medo, tenha Fé!
Andressa Martins